Wonderland Avenue

Feel free do walk in this boulevard of broken dreams

Ainda O Tiro April 5, 2007

Filed under: fait-divers — Aninha @ 8:02 pm

Não, a sério. Será que não há UM, mas UM homem mentalmente saudável que eu escolha para me relacionar de um modo algo mais que colorido?! Estou a levar com o choque da vida (mais um) e ainda não acordei…

 

Dêem-me um tiro

Filed under: fait-divers — Aninha @ 7:11 pm

Senão dou eu.

 

Verdade E Consequência April 4, 2007

Filed under: fait-divers — Aninha @ 3:06 pm

Se a minha alegria, felicidade, joie de vivre, happiness, euforia, excitação, e outras coisinhas se medissem pela cadência com que ando a escrever por estas bandas, diria que eram sintomas para estar (muito) abaixo de zero…

 

Finito March 30, 2007

Filed under: fait-divers — Aninha @ 6:47 pm

E pronto. Isto chegou ao fim. Estava-se mesmo a ver não era? Era… Então vá, cara alegre e siga a marinha (foi a expressão mais feia de que me consegui lembrar assim muito de repente…).

Merda. Merda para esta gente que me andou aqui a fazer perder tempo. Merda, merda e mais merda.

 

Nota de rodapé March 27, 2007

Filed under: fait-divers — Aninha @ 10:30 pm

A imagem do post anterior não é fruto das habituais pesquisas em banco de imagens e sites de ilustração. Tropecei nela aqui, e não resisti a trazê-la para cá, tão bem que caracterizava o meu dia.

Porque esta coisinha de usar fotos que outros procuram também não é bonita de se fazer, quando não é correctamente explicada, aqui está a justificação – desculpa o atraso, Bad.

 

Hoje Estou assim

Filed under: pics — Aninha @ 10:48 am

001b.jpg

 

Mais Do Mesmo

Filed under: fait-divers — Aninha @ 10:37 am

Ah! E ainda não disse o melhor: se já é mau ir para o olho da rua, péssimo-péssimo é ir para o olho da rua DOENTE. Pois. Aqui a je está com febre desde domingo, tem a metade direita da garganta toda inflamada, e um terçolho na vista direita. Donde se depreende que estou mais produtiva que nunca, cheia de vontade de me levantar de manhã, e com mais gosto ainda de passar o dia em frente a um computador. Mas não vou enervar-me, não! Afinal é só a QUARTA vez que estou doente este ano. O que é isso quando 2007 ainda está no terceiro mês?!