Wonderland Avenue

Feel free do walk in this boulevard of broken dreams

Carta Aberta À Estupidez February 28, 2007

Filed under: everyday life — Aninha @ 5:15 pm

Há 20 anos atrás (quando uma pessoa tem estatuto para escrever coisas destas, é porque está a ficar velha), tinha eu CINCO anos e uns meses (mas é sempre bom sublinhar a idade, não vá algum atrasadinho pensar coisas que não deve), cruzei-me com um senhor na rua que gritava, alto e bom som: “O Mário Soares e os cachopos, era tudo na prisão. Tudo fechado na prisão!”. Não sei de onde é que lhe vinha aquela raiva do orelhas e das criancinhas, mas percebo que quando estamos enervados nos apeteça mandar toda a gente badamerda. Hoje, por exemplo. Saio de casa às 6:50 da manhã, cedo para xu-xu e cedíssimo para o meu habitual, e mal deixo a minha rua tenho à minha frente uma mulherzinha vulgar que insiste em parar nos semáforos verdes. Nas passadeiras vazias, olha para ver se não há ninguém. Desconfio que, sozinha naquele carro verde bandeira (muito melhor que o meu, é um facto, mas a cor é uma ofensa ao gosto de uma iraquiana com dinheiro em Paris), também olhava para o lado a ver se não estava ninguém sentado no banco do pendura, depois de um cruzamento.

Quando chegámos à Praça de Espanha, vazia como numa noite de Verão, matei-a. Ainda não se paga para sonhar, pois não?

 

Quando rapar a cabeça… February 27, 2007

Filed under: pics — Aninha @ 11:20 am

britneyshaves.gif

… significa tirar inclusivamente o que está dentro dela.

 

Ena pá… February 26, 2007

Filed under: fait-divers — Aninha @ 5:03 pm

Ando a escrever que nem uma doida! Por este andar sou capaz de magoar os dedinhos nas teclas do computador… NOT!

 

Ódio. February 19, 2007

Filed under: dreams — Aninha @ 11:39 am

Pior que ter um ex-namorado que é um mente-capto, é ter um ex-namorado que é um mente-capto e ainda ser obrigada a ter de publicitar o trabalho de sua excelência. Ah, pois.

 

Brasil, Essa Felicidade February 15, 2007

Filed under: pics — Aninha @ 3:43 pm

Há um ano foi assim. E foi bom demais.

3.jpg

 

Toma Lá Verdade February 14, 2007

Filed under: thougths — Aninha @ 3:44 pm

Eu sou gira – tu és feio. Eu sou magra – tu és um esqueleto com pele. Eu tenho um cabelo brilhante – o teu foi cortado por um cego. Eu tenho amigos – tu nem te lembras deles, estás demasiado ocupado em te achares o máximo. Eu sou inteligente – tu és prepotente. Eu sou divertida – tu és mais chato que um disco riscado. Eu interesso-me pelas coisas, tu queres que as coisas se interessem por ti. Eu digo asneiras – tu és a encarnação da asneira. Eu gosto de correr mundo – tu esperas que o mundo gire à volta de ti.

Ainda bem que descobriste que eu não era o amor da tua vida! Livraste-me de boa…

 

Proudly Single! February 13, 2007

Filed under: fait-divers — Aninha @ 6:44 pm

Amanhã é “dia dos namorados”. Ainda bem que não tenhum nenhum. É da maneira que posso ter vários.